Brasil bate recorde de mulheres medalhistas em uma Olimpíada

Escrito por em 04/08/2021

A frase  “lugar de mulher é onde ela quiser” nunca esteve tão correta, e desta vez este lugar para as brasileiras foi o pódio olímpico. As atletas conseguiram bater o recorde anterior dos Jogos Olímpicos de Pequim, em 2008, quando levaram sete medalhas pelo feminino. Na época, foram quatro bronzes, uma prata e dois ouros.

Em Tóquio,  além das setes medalhas que já foram distribuídas para as representantes femininas do Brasil, ainda resta a de Beatriz Ferreira, do boxe até 60 kg, que já tem o bronze garantindo, mas irá disputar a semifinal e caso ganhe, também pode vir a ser medalha de prata ou ouro.

Outra modalidade que também pode aumentar o número de conquistas é o vôlei de quadra. Além da marcha atlética, com Érica Sena. Mas no ouro já temos Rebeca Andrade, que ganhou na prova de salto na ginástica, a dupla da vela Martine Grael e Kahena Kunze, na classe 49erFX e Ana Marcela Cunha na maratona aquática.

A ginasta Rebeca Andrade somou mais uma medalha, desta vez a de prata no individual geral, outra vice-campeã foi a Rayssa Leal no skate, pelo street. Já o bronze veio para a dupla Laura Pigossi e Luisa Stefani no tênis e para Mayra Aguiar no judô até 78kg.

FONTE: R7


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



Música

No Ar

Artista